{country_name} ↓ TRANS_MENU
Escolher a sua localização:
A minha capaA minha capaA minha capa

O que está acontecendo agora?

Entrar Entrar com Facebook
Nome de usuário ou senha incorreta!

Jacques Wagner rechaça acusação feita por Cerveró em delação

O ministro-chefe do gabinete pessoal da Presidência, Jaques Wagner, divulgou nota rechaçando a inclusão de seu nome na delação premiada do ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró. Segundo a assessoria do ministro, ele informou que "está à disposição das autoridades e vai aguardar o resultado definitivo das investigações". Acrescentou também que "está seguro sobre suas atividades sempre motivadas pelo interesse público".
O Tempo
04/05
34 Pontos
1

PGR vai pedir investigação de Dilma e Lula na Lava Jato

A Procuradoria-Geral da República decidiu pedir abertura de inquérito ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Jornal do Brasil
03/05
33 Pontos
1

Conselho de Ética do Senado aprova cassação de Delcídio do Amaral

O Conselho de Ética do Senado aprovou nesta terça-feira (3) a cassação do mandato do senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS) por quebra de decoro parlamentar por ter se envolvido em tentativas de obstruir as investigações da Operação Lava Jato e pela suspeita de participação no esquema de corrupção da Petrobras.Foram 13 votos favoráveis e a abstenção do presidente do colegiado, João Alberto Souza (PMDB-MA).
O Tempo
04/05
15 Pontos
1

Rodrigo Janot vai pedir investigação de Dilma e Lula na Lava Jato

Mercadante admitiu ter oferecido ajuda a Delcídio, mas disse que não teve a intenção de impedir sua delação. A nomeação de Navarro faria parte dessa trama.Outros ladosÀ época da divulgação da delação de Delcídio, a assessoria de Dilma informou que a nomeação de Lula não tinha por intenção obstruir as investigações. Segundo o ex-petista, Dilma deflagrou uma ofensiva nos tribunais superiores para influenciar nos desdobramentos da Lava Jato.
O Tempo
03/05
7 Pontos

Janot vai pedir investigação de Dilma e Lula na Lava Jato

A nomeação de Navarro faria parte dessa trama.OUTROS LADOSÀ época da divulgação da delação de Delcídio, a assessoria de Dilma informou que a nomeação de Lula não tinha por intenção obstruir as investigações. Mercadante admitiu ter oferecido ajuda a Delcídio, mas disse que não teve a intenção de impedir sua delação. Segundo o ex-petista, Dilma deflagrou uma ofensiva nos tribunais superiores para influenciar nos desdobramentos da Lava Jato.
Folha de São Paulo
03/05
24 Pontos

PGR pede que citações de Delcídio sobre André Esteves sejam enviadas a Moro

A Procuradoria-Geral da República pediu nesta segunda-feira (2) ao STF (Supremo Tribunal Federal) que citações feitas pelo senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS) em sua delação premiada sobre o banqueiro André Esteves, ex-controlador do BTG, sejam enviadas para análise do juiz Sergio Moro.Segundo a Folha apurou com pessoas próximas às investigações, a Procuradoria também solicitou que parte das menções seja incluída em inquéritos que já tramitam no Supremo.
Folha de São Paulo
03/05
15 Pontos
1

STF envia para Moro delação de Delcídio sobre propina em governo FHC

O ministro também afirma que cabe a Moro avaliar se é ou não da sua competência tratar do caso.Segundo a delação de Delcídio, nos anos referidos foi implementado um programa para conter problema de racionamento de energia elétrica. Nesse período, Delcídio era o diretor de Óleo e Gás da Petrobras e Cerveró era um dos gerentes. Delcídio afirmou que antes do programa já havia sido adquirida a máquina GT24, da empresa Alstom, para atender às necessidades da Refinaria Landulfo Alves.
Jornal do Brasil
03/05
22 Pontos
1

PGR envia ao STF pedidos de inquérito contra Aécio Neves e cúpula do PMDB

A Procuradoria Geral da República (PGR) enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedidos de aberturas de quatro novos inquéritos com base na delação do senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS). Segundo Delcídio, ele sabia que os dados estavam sendo maquiados. Além dos quatro pedidos de abertura de inquérito, Janot também pediu a inclusão de citações feitas a integrantes da cúpula do PMDB .
Jornal do Brasil
03/05
22 Pontos
1

Aécio diz que investigação mostrará falsidade de acusações de Delcídio

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) defendeu o pedido de abertura de inquérito contra ele enviado nesta segunda (2) pelo Ministério Público ao STF (Supremo Tribunal Federal) e disse ter "convicção de que as investigações deixarão clara a falsidade das citações feitas".As solicitações de inquéritos têm por base a delação do senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS).
Folha de São Paulo
03/05
16 Pontos
1

Investigação mostrará que é 'vítima de mentira', diz Marco Maia

Foram 53 indiciamentos e mais o pedido de investigação de 20 empresas ao Cade, pela prática de crime de Cartel", relembra Maia em nota "Utilizarei de todas as medidas legais para que a verdade seja estabelecida e para que os possíveis desgastes a minha imagem de parlamentar sejam reparados na sua integralidade", complementa.O deputado destaca também que não recebeu doação para sua campanha eleitoral em 2014 de qualquer empresa alvo de investigação pela CPI da Petrobras.
O Tempo
02/05
14 Pontos
1

PGR envia pedidos de inquérito contra Aécio e outros políticos

Vital era o presidente da comissão e, Maia, o relator.Delcídio afirmou ainda aos investigadores em sua delação que o então senador Vital do Rêgo (PMDB), atual ministro do TCU, e os deputados Marco Maia e Fernando Francischini (SD-PR) cobravam "pedágios" para não convocar e evitar investigações sobre os empresários Leo Pinheiro, Julio Camargo e Ricardo Pessoa, que são alvos na Lava Jato.
Folha de São Paulo
02/05
12 Pontos
1

Janot pede que Aécio deponha em até 90 dias sobre propina em Furnas

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu na abertura de inquérito contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) que ele preste depoimento em até 90 dias sobre as suspeitas de recebimento de propina de Furnas.A solicitação foi feita ao ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavascki, relator dos casos relacionados à Operação Lava Jato.
Folha de São Paulo
03/05
12 Pontos

Rodrigo Janot pede que Aécio preste depoimento em até 90 dias

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu na abertura de inquérito contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) que ele preste depoimento em até 90 dias sobre as suspeitas de recebimento de propina de Furnas.A solicitação foi feita ao ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavascki, relator dos casos relacionados à Operação Lava Jato.
O Tempo
03/05
2 Pontos
1

Aécio diz que investigação mostrará falsidade de acusações de Delcídio

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) defendeu o pedido de abertura de inquérito contra ele enviado nesta segunda (2) pelo Ministério Público ao STF (Supremo Tribunal Federal) e disse ter "convicção de que as investigações deixarão clara a falsidade das citações feitas".As solicitações de inquéritos têm por base a delação do senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS).
O Tempo
02/05
5 Pontos
Anúncio
Anúncio
Anúncio